Total de visualizações de página

sábado, 15 de junho de 2013

Imagine Hot com o Zayn/ Jogando na sala

Estávamos todos jogando um jogo... Interessante na sala. Eu já namorava com o Zayn há algum tempo.
Joguei os dados. Meus olhos que estavam no Zayn, agora estavam prestando atenção nos dados. Eles demoraram para parar de girar, mas valeu a pena. O primeiro era "mordida" e o segundo era "nuca". Sorri para Zayn novamente.
– Com quem vai ser? - Zayn falou fingindo estar sério.
– Com quem você acha? - Sorri ironicamente.
– Não sei né... - Me aproximei dele enquanto ele falava.
Fiquei ao seu lado e senti que sua respiração já estava mais pesada que o normal.
– Parem de enrolar, vai logo! - Niall exclamou.
– Ok, apressadinho. - Falei rindo e ele riu logo em seguida.
Rocei meus lábios no pescoço dele até chegar a sua nuca. Senti um calor percorrer meu corpo, que chegou mais perto dele ainda. Zayn suspirou, isso foi ótimo. Amo ver o efeito que eu tenho sobre ele sabe, amo provocar ele na frente de todo mundo, pois sei que ele não pode fazer nada. Meus dentes passaram bem de leve sobre a sua pele, que se arrepiou logo após o meu toque. Senti a mão dele na minha perna. Estava quase esquecendo de que nós não estávamos sozinhos. Antes que começassem a reclamar da demora, mordi sua nuca com força, o que me fez suspirar. Pude ouvir um "Ah..." sair quase inaudível sair da sua boca. Sorri satisfeita, mas Zayn não parecia estar, pois colocou uma das suas mãos na minha nuca puxando meus cabelos pretos com um pouco de força. Antes que pudesse me manifestar, ou falar qualquer coisa, senti seus lábios quentes se juntando aos meus.
Sem hesitar, correspondi o beijo quente. Sua língua passeava livremente pela minha boca, e toda vez que encostava na minha, eu sentia um leve choque percorrer meu corpo. Coloquei as mãos em volta do seu pescoço arranhando sua nuca bem de leve. A mão dele que estava desocupada correu até minha coxa, a apertando com um pouco de força. Suspirei, parando o beijo.
–Vão pro quarto! - Louis falou jogando uma almofada na gente. Todos rimos e Zayn me levantou.
  –O que você tá fazendo? - Falei afastando um pouco nossos corpos.
  Eu estava com as pernas ao redor da sua cintura, enquanto ele me segurava pela cintura. Minhas mãos ainda estavam em volta do seu pescoço.
  –Indo pro quarto. - Zayn disse dando de ombros. Sorri sentindo-me corar.
  Sarah e Manu olharam para mim sorrindo maliciosamente e eu pisquei pra elas. Quem diria que essas meninas se tornariam minhas melhores amigas.
  –Você é incrível. - Falei sorrindo e em alto e bom som. Todos fizeram tipo um "wooow" e riram.
  –Ahn, acho que a gente não vai voltar. Zayn falou subindo as escadas comigo.
  –Ok, divirtam-se. - Harry falou rindo.
  Zayn me levou para o seu quarto. Com o pé ele fechou a porta, e me segurando com uma mão só - que forte - ele trancou a porta.
  –Agora você é só minha. - Zayn falou no meu ouvido me fazendo suspirar.
  –Eu sempre fui. - Sorri e mordi sua orelha de leve.
  Zayn me jogou na cama com pressa, ficando em cima de mim. Colei nossos lábios sem hesitar. Seus lábios macios se movimentavam lentamente junto com os meus, deixando o beijo molhado. Mordi seu lábio inferior e ele apertou minha cintura. Voltamos ao beijo fazendo-o agora com mais pressa, tornando os movimentos mais urgentes, e consequentemente, mais prazerosos. Chupei sua língua com força. O beijo ficava cada vez mais rápido e prazeroso, mas infelizmente, precisávamos de ar, então passei a beijar seu pescoço deixando chupões por toda a sua extensão. O mordi sem fazer muita força, apenas observando Zayn sorrir de olhos fechados.
  Suas mãos passeavam pelo meu corpo e chegaram até a extremidade da minha camiseta, a qual ele puxou rapidamente, a jogando longe. Estou vendo que ao amanhecer, esse quarto vai estar uma bagunça. Ajudei ele a tirar minha camiseta. Olhei nos seus olhos, eles estavam castanhos bem escuros e pude perceber que transbordavam de desejo. Essa não seria nossa primeira vez, mas era como se fosse. Cada toque, era como se fosse o primeiro. As mãos dele apertavam minha cintura com força, a pressionando contra o seu corpo.
  Em um movimento rápido, fiquei em cima dele, Zayn sorriu maliciosamente. Tirei sua camiseta com a mesma agilidade que ele tirou a minha. Seu abdômen bem definido me deixou em um tipo de transe. Minhas mãos passaram para a sua barriga. Me inclinei para beijá-lo e senti seu membro túrgido dentro da calça. Sorri mordendo os lábios e beijei a sua boca como nunca havia beijado antes. Acho que nunca tinha desejado tanto ele como desejo agora. Desci os beijos lentamente para o seu queixo e em seguida para o seu pescoço novamente.
 – Ah... Jess... - Zayn falou quase que num sussurro.
  Recobrando a consciência, Zayn passou a ficar em cima de mim novamente. Fiz um biquinho, mas ele nem ligou, começou a beijar meu pescoço e foi descendo os beijos para o meu colo. Fechei os olhos apenas deixando que ele tomasse conta do meu corpo. As mãos dele foram até as minhas costas desabotoando o meu sutiã e, assim como a camiseta, Zayn jogou em algum lugar do quarto. Por alguns segundos, ele ficou apenas observando o meu corpo, e não vou mentir, corei ao ver seus olhos sobre meu corpo quase nu. Uma das mãos dele foi até meu seio, apertando-o. Gemi baixinho ao sentir seu toque. Zayn fechou os olhos, pelo visto, ele gostava disso. Sorri.
  As mão de Zayn foram descendo cada vez mais acariciando meu corpo até que chegaram ao meu short. Ele o desabotoou e com a minha ajuda, o tirou, jogando longe. Zayn se inclinou e eu o abracei, deixando minhas unhas arranharem suas costas de leve. Ele suspirou alto. Seu membro estava ainda mais ereto, e roçava contra o meu corpo, me deixando ainda mais excitada. Logo tirei sua calça também, ele me olhou curioso. Minhas mãos foram até a extremidade superior da sua boxer e sem pensar duas vezes, eu a tirei. Olhei para os seus olhos e em seguida para a sua boca, Zayn mordia o lábio.
  Assim que tirei sua boxer, me deparei com o seu membro túrgido, como se fosse um reflexo, mordi o lábio. Zayn me puxou para mais um beijo quente, dessa vez, ficando em cima de mim. Mordi seu lábio inferior puxando-o para mim. Mais um suspiro fraco escapou pela sua boca. Minha calcinha foi puxada para baixo e agora mais do que nunca, senti seu membro roçando contra minha intimidade, soltei um gemido, dessa vez, um pouco mais alto.
  Zayn se afastou beijando minha barriga e descendo. Sorri assim que sua boca tocou meu baixo ventre, sentindo um arrepio percorrer toda a extensão do meu corpo. Levei minhas mãos até a testa, limpando uma gota de suor que havia aparecido. Senti sua boca chegar até a minha intimidade.
  –Zayn... ahn... - Falei entre suspiros enquanto ele me beijava.
Um enorme prazer explodiu em meu corpo assim que senti sua língua macia passeando por minha intimidade. Minha cintura se movimentava à medida que sua língua aumentava a velocidade. Eu estava gemendo alto e provavelmente os quartos ao lado escutariam. Mas eu não estava me importando, nada era mais importante que Zayn. Entrelacei meus dedos no seu cabelo o empurrando contra minha intimidade e mais uma vez, senti um prazer enorme. Zayn subiu os beijos e mordidas novamente até o meu pescoço, mas agora era a minha vez.
  Me virei novamente, ficando em cima dele, e assim como ele, fui descendo os beijos. Peguei seu membro pulsante e comecei a massageá-lo levemente. Olhei para Zayn e ele estava com os olhos fechados mordendo o lábio. Isso me deixava louca, amo quando ele morde o lábio. Passei minha língua por toda a sua extensão e ele gemia alto. Zayn afastou meu cabelo para ter uma visão melhor. Coloquei seu membro quase inteiro na boca, fazendo movimentos de vai-e-vem primeiro lentamente e depois mais rápido. As mãos dele logo foram até o meu cabelo, puxando-o com um pouco de força e ajudando com os movimentos. Dei mordidinhas de leve na extremidade e Zayn estava revirando os olhos. Com uma mão, massageava a parte que não conseguia colocar na boca, do seu membro.
  –Ahn, meu De-eus J-jessica. - Ele falou gemendo. Como é bom ouvir isso...
  Tirei minha boca do seu membro assim que percebi os espasmos, ele estava quase gozando. Mas não queria que fosse tão rápido, então voltei a beijar sua boca. Ele sorriu satisfeito. Mas ainda não tinha acabado, esse era apenas o começo. Zayn me deitou, ficando na minha frente e abrindo minhas pernas. Nossos corpos estavam encaixados perfeitamente. Olhei em seus olhos e eles me passavam segurança. Antes que pudesse fazer ou falar qualquer coisa, senti seu membro dentro de mim.
  –Z-zay-n... - Falei quase que em um grito na primeira estocada.
  No começo, Zayn ia devagar, mas logo aumentou a velocidade e a força das estocadas. Eu segurava nas suas costas e com as unhas, arranhava a mesma com um pouco de força. Eu gemia alto sem medo de alguém escutar, pois não conseguiria segurar mesmo, Zayn é muito... Intenso. Mordi meu lábio tentando conter os gemidos, mas Zayn me ajudou, me beijando. Havia muito desejo naquele beijo, mas ao mesmo tempo, ele me passava toda a sinceridade e amor que Zayn sentia por mim. Me senti completa com esse beijo.
  Virei mais um vez, ficando em cima dele. Zayn me olhou surpreso novamente, e comecei a cavalgar em cima do seu membro. As mãos dele foram até minha cintura, me ajudando a subir e a descer. Eu podia ouvir o som dos nossos corpos se chocando, e isso é extremamente prazeroso. Apoiei minhas mãos no seu ombro e fui mais rápido e com mais força. Senti meu corpo ficando fraco a medida que me mexia. Zayn gozou e eu logo em seguida. Joguei meu corpo cansado ao seu lado na cama e sorri.
  – Eu te amo. - Falei assim que minha respiração voltou ao normal.
  – Também te amo, minha princesa. - Zayn falou me abraçando.
  Dormimos abraçados o resto da noite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Eu me chamo Thalyta sou Directioner com mt orgulho *-* meu preferido é o Hazza ms eu amu todos (comentem oq vcs acharam do blog)